Entrevista com nutricionista de UAN, o que perguntar

Chegou a hora, não dá mais. Você tentou ignorar a nutrição, passava longe quando via o símbolo e se escondia quando perguntavam “tem nutricionista na cozinha?”. Mas, agora, a equipe, os equipamentos e o cardápio clamam: contrata um nutri! Se identificou? Pois, neste post, há um guia para uma entrevista com nutricionista de UAN. Assim, você consegue filtrar todos os candidatos para escolher o profissional certo para sua cozinha.

Entrevistas são chatas, porém necessárias. Chatas para quem faz e chatas para quem participa. É desgastante. Tanto pelo tempo que é investido nelas, quanto pelo emocional dos candidatos e a dúvida do contratante. Como saber que aquele que se destacou na entrevista realmente vai brilhar no dia a dia? A experiência pesa mais ou menos que as qualificações acadêmicas? Dar preferência a uma personalidade mais dura ou doce?

É complicado, é trabalhoso, mas é possível tornar esse processo um pouco menos burocrático e clichê. Fuja daquelas mesmas dinâmicas de grupo e perguntas do tipo “qual é a sua maior qualidade?”. Abaixo, daremos dicas de como montar uma entrevista com nutricionista de UAN, de forma que você identifique todas as caracteristicas que busca em um novo profissional para sua equipe.

 

  1. Investigue o histórico acadêmico

O nome da faculdade é, sim, importante, mas não é tudo. Muitos currículos são desprezados por terem faculdades menos prestigiadas, mas isso é um erro. Quem faz a faculdade, é o aluno. Pode ser que um estudante tenha aproveitado muito mais o conteúdo de uma faculdade comum, enquanto o outro da prestigiada ficava no bar todos os dias.

Para saber sobre isso, questione sobre a trajetória acadêmica. Por que escolheu tal faculdade? Como era a relação com os professores? Qual era sua matéria favorita? Você sente que a faculdade lhe deu uma boa bagagem? Você participava de projetos acadêmicos? Olha só o leque de possibilidades.

Dentro dessas perguntas, você identifica se a pessoa é estudiosa, com qual área da nutrição mais se identifica e se ele tem ambição e desejo de aprender. Afinal, alguém que fez uma iniciação científica se envolveu bem mais com a graduação do que alguém que simplesmente cumpriu as matérias obrigatórias. Não que isso seja uma regra, mas é um bom ponto para avaliar os candidatos.

 

  1. Evite perguntas negativas

Por que você saiu do seu último trabalho? Quais pontos você precisa melhorar? Você funciona bem sobre pressão? Essas e outras perguntas, com carga negativa, não são as melhores. E sabe por quê? As pessoas mentem e distorcem a realidade.

Ninguém vai falar que saiu do último emprego porque não dava resultados. Que é muito desorganizado ou que não funciona bem sobre pressão. Isso porque ninguém funciona bem sobre pressão, convenhamos, porque todos nós temos pontos de melhoria. Porque ninguém espera que vá ser demitido e porque você não sabe como era a chefia do última empresa da pessoa.

Foque em coisas positivas. Peça para que a pessoa conte um momento que marcou sua vida ou pergunte quem é a pessoa que ela mais admira. Pergunte se, no último emprego, tem algum momento do qual ela se orgulha ou o que ela mais gostava no último chefe. Assim, o candidato não trava e acaba mostrando pontos importantes da personalidade.

Na entrevista com nutricionista evite perguntas negativas

  1. Observe na prática

Provinhas até são bem vindas, mas também não indicam a capacidade do profissional. Ele pode ter decorado tudo um dia antes e tirar um 10. Assim como pode saber tudo, mas não aplicar nada, por ter medo de se impor ou pela preguiça no dia a dia.

Uma boa dica é pedir para que o candidato dê uma volta com você na cozinha. Passe por todos os setores, apresente a equipe e mostre até a papelada. Tire um tempo para isso. Você vai notar como a pessoa se comporta em novas situações, se é simpática com a equipe, se presta atenção aos detalhes e se, de fato, escuta o que você tem a dizer.

Ao fim do tour, peça para que ela escreva em um papel se a cozinha era o que ela imaginava, qual a primeira impressão que ficou, os pontos que poderiam ser melhores na cozinha e o que ela mais gostou de ver. Veja quem só quer puxar o saco e quem está disposto a tirar a sujeira de debaixo do tapete.

 

  1. Não existem certos e errados

Dinâmicas onde um grupo vence sempre fazem as pessoas se sentirem inferiores. Por isso, se for aplicar alguma dinâmica, que seja algo divertido e que arranque sorrisos, para aliviar a tensão. Vamos dar dois exemplos abaixo.

O primeiro é um jogo de perguntas e respostas. Quem pegar primeiro a laranja, por exemplo, responde. Vai ser uma questão de agilidade e sorte. E quem não acertar, precisa pagar um mico. Todo mundo vai se divertir e, além de testar os conhecimentos, você vê como as pessoas reagem diantes das perdas e acertos.

O segundo é um jogo individual. Monte um livrinho de jogos que tenha, por exemplo, uma cruzadinha com termos usados na cozinha, 7 erros com irregularidades e uma página em branco para montar a equipe dos sonhos. Não é nada formal, assim como não tem um certo e um errado. É um teste totalmente diferente, mas, onde também é possível analisar a personalidade e o conhecimento dos candidatos.

 

A possibilidade de contratar uma consultoria em nutrição

Não vai ter tempo de aplicar tudo isso? Não quer passar por toda burocracia de uma nova contratação e está com dor de cabeça só de pensar em todos esses processos? Pois existe uma outra possibilidade: a contratação de uma consultoria.

É claro, você também deve pesquisar qual consultoria é a melhor e se adequa às suas necessidades. Mas temos um post prontinho para isso, o qual você confere clicando aqui.

No mais, a consultoria é uma forma de ter um nutricionista de UAN ao seu lado, sem vínculo empregatício. É mais flexível, mais amplo e, ao mesmo tempo, seguro. A consultoria foca naquilo que precisa ser consertado e ainda pode propor novas ideias. Uma dica é apostar naquelas que têm uma gama de serviços bem diversificada, assim, se você gostar da parceria, pode recorrer a ela outra vez quando precisar de mais uma ajudinha.

Gostou das nossas dicas para entrevista com nutricionista de UAN? Lembrando que você pode aplicá-las para qualquer outro cargo! E se você quer conhecer mais sobre o trabalho de uma consultoria, entre em contato com a Nutri Mix.

Entrevista com nutricionista de UAN
5 (100%) 15 vote[s]